Cláudia Leitte acha que é bom ter fé em Deus para seguir carreira

Se depender da axezeira Claudia Leitte, a talentosa equatoriana Carolina Peña não teria vez. Sem fazer qualquer menção ao ocorrido no programa Ecuador Tiene Talento ou a qualquer proselitismo religioso, a cantora carioca radicada em Salvador e jurada do programa The Voice Brasil deu uma declaração discreta que imediatamente lembrou a triste polêmica ocorrida no programa equatoriano que segue o mesmo formato do The Voice.

No programa equatoriano, depois de ter feito uma impecável apresentação musical, beirando a perfeição, Carolina Peña foi psicologicamente massacrada após responder que não acredita em Deus. Ela foi eliminada do concurso e por ela ter feito uma apresentação perfeita, ostentando um talento impecável, suspeita-se que a eliminação teve motivação religiosa.

Ao comentar o talento de uma aspirante a cantora de Niterói (vizinha a cidade onde Claudia nasceu, São Gonçalo), Claudia desejando sucesso a mesma, comentou: "Acho que não perder o rebolado é ter fé em Deus e em você mesmo. Se alguém disser quer você não pode e você tiver fé, ninguém pode contigo". (O grifo é nosso).

Claudia pode não ter tido as mesmas intenções que as juradas preconceituosas do programa equatoriano, mas ela é evangélica e como tal entende que um homem superpoderoso que só vive escondido manda no universo todo. No imenso e expansivo universo. Direito dela.

Mas a declaração soa que é preciso "acreditar em Deus" para obter sucesso como se nós fôssemos marionetes de Deus, incapazes de vencer por esforço próprio. Mas a declaração de Claudia não foi feliz em um momento em que a repercussão do preconceito cometido no Equador em programa semelhante ao que ela participa ainda esteja tão recente. Os comentários preconceituosos feitos pelas juradas equatorianas deixaram bem clara a ideia de "marionetes de Deus".

Cuidado com o que fala, Claudia. Siga a sua fé bem caladinha dentro de seu templo ou de sua casa. É um direito seu, garantido por lei. Mas fora de seu ambiente religioso, você pode se esbarrar em quem não está nem a fim de compartilhar a sua crença. E aí é que as coisas começam a ir para o brejo.

Comentários

Postagens mais visitadas