Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

O Capitão-Presidente, a instrução e a educação como meio de superação do homem egoísta

Por Zacarias Gama - publicado no Justificando
O Capitão-Presidente, coitado, a despeito das boas intenções que possa ter, é refém da instrução sem partido que recebeu.
Muitas pessoas têm sido favoráveis ao projeto de lei que institui a Escola Sem Partido, mesmo que não levem em consideração os seus efeitos. Defendem que à escola cabe apenas instruir; a educação é de competência das famílias em conformidade com os seus valores.  
O debate transcorre no campo da abstração, opondo alunos idealmente instruídos a outros corrompidos pelas ideias disseminadas pelos “petralhas” favoráveis à igualdade de gênero, aborto, divórcio, emancipação feminina etc. Até então nenhum exemplo concreto de homem instruído poderia ser trazido ao proscênio das discussões.  
Quando fala em público, os seus discursos são mais rápidos que o preparo de miojo Mas, eis que o Capitão-Presidente passa a ocupar a boca da cena do grande teatro nacional, vestido em trajes simples, com uma sandália surrada e uma camisa nã…

Últimas postagens

Confiáveis para a maioria dos brasileiros, Forças Armadas brasileiras ameaçam a segurança de seu próprio país

Esquerdistas religiosos não conseguem separar bondade de cristianismo

Prisão de Julian Assange é a prisão de um benfeitor

Fake news e fundamentalismo como formas de ver o mundo

Seguidores de Malafaia comemoram morte de Ricardo Boechat

Evangélicos impedem velório de mulher por acreditar que ela ressuscitaria

Bolsonaristas querem livrar João de Deus da cadeia

Para muitos, o problema da corrupção é apenas moral

Brasil começa a ser governado por um grupo de portadores de doenças psiquiátricas

Não deu. A truculência venceu o diálogo. E a Educação vai perder com isso

Seguidores