Para religiosos, fé é "estágio avançado" do raciocínio

Quem não é religioso fica a perguntar: porque a maioria das pessoas é religiosa e porque para muitos ter fé é mais importante que raciocinar? mesmo discordando, é preciso entrar na mente de um religioso para entender o que está acontecendo.

O que eu vou te dizer é de fato absurdo, mas infelizmente é o pensamento que guia a sociedade brasileira. Estamos em vias de entrar em uma teocracia e entender a opinião de religioso é entender como funcionará esta teocracia.

Para os religiosos, que vivem a desprezar a razão a ponto de considerá-la nociva, a fé, pasmem, é para eles um "estágio avançado da racionalidade". Para eles, certos conceitos estão tão resolvidos que não precisam mais ser analisados. Por isso que religiosos são tão teimosos.

Isso faz com que religiosos se sintam superiores e nunca admitam qualquer tipo de contestação. Somando a essa sensação falsa de superioridade, indispensável lembrar que eles acreditam na existência de Deus, que para eles é a Liderança Máxima do universo, que deve ser obedecida cegamente e sem exigir condições. Ficar do lado da Liderança Máxima, os faz se sentirem também "os máximos".

Os religiosos etão errados. A racionalidade é o que nos faz superiores. O nosso principal propósito na Terra é aprendermos a utilizar o nosso cérebro, a mais complexa criação da natureza, complexa como nenhuma outra. Fé é credulidade e um sinal evidente que ainda estamos presos na mais tenra infância. A religiosidade é resquício da infância na vida adulta. Se pararmos para pensar, vamos ver que a fé tem muito das mesmas atitudes que tomávamos quando tínhamos menos de 7 anos de idade.

E não existe nenhuma questão fechada. A ciência está em constante expansão e sempre há novidades para serem descobertas. Se há alguma questão tida como fechada, pode desconfiar. Tem alguma coisa errada por aí.

Aprendamos a utilizar melhor o nosso cérebro e deixemos de acreditar em bobagens. Religiões são mitologias e mitologias não são realidade. Olhemos o que há ao nosso redor e analisemos tudo que nos chega ao alcance. O invisível não tem a competência para resolver os problemas que nos recusamos a encarar.

Comentários

Postagens mais visitadas