Fé Cega, Faca Amolada

Para os brasileiros, ter fé é um fato considerado como virtude. Mas não somente a fé sadia que devemos ter em nós mesmos e nos amigos. É qualquer tipo de fé, sobretudo nas ideias que vivem colocando em nossas cabeças, seja pelas religiões, pela mídia ou até mesmo nas regras sociais.

Para mim, isso não é bom, pois além de favorecer a credulidade, a crença em absurdos ou em ideias erradas pode gerar danos e manter as pessoas numa letargia alienada. Mas para a maior parte dos brasileiros, ter fé é muito bom porque poupa de raciocinar. Raciocinar exige esforço, algo ruim em um povo preguiçoso em raciocinar, como o nosso.

Para entender como a credulidade pode substituir o raciocínio para essas pessoas  é bom lembrar que hoje não vale mais "o que é dito" mas "por quem é dito". Escolhe se uma pessoa ou instituição que tenha prestígio ou credibilidade e o que ela disser vira lei, sem precisar conferir se o que ela está dizendo está correta ou não. Isso pode parecer uma "maravilha", mas na verdade é um perigo.

Nos dias de hoje, uma época onde deveríamos estar mais sabidos e atentos, preferimos a credulidade, consagrando muitas ideias erradas que só acabam mantendo os muitos erros que cansamos de ver em nosso cotidiano, erros que muita gente acha a sua existência natural (mais uma crença errada), preferindo, ao invés de resolvê-los, fugir deles através da ilusão de várias atividades de lazer fúteis, que nada acrescentam à humanidade, além da simples satisfação dos instintos primitivos.

Além disso, há quem lucre com esta falácia de que ter fé é "importante". Os líderes religiosos fazem mil fortunas com a credulidade alheia. Em troca de algum benefício fácil (mais preguiça?), usando o argumento de fé, incautos pagam os líderes religiosos, e se não obtém o que desejam, logo são acusados pelos líderes de que "não tiveram fé suficiente". E muitos vão a falência por causa disso.

Sinceramente deveremos parar com esse papo de superestimar o sentimento de fé. Confiança sadia em nossos atos e em suas consequências é válido, pois a esperança é o motor de nossas vidas. Mas isso deve ser feito com raciocínio lógico, acrescido de muita luta e desconfiança.

Se alguém aparecer com o papo de que tudo se conquista com fé e somente com fé, desconfie. É alguém que torce para que o seu plano dê errado e que ele lucre muito com o fracasso de quem acredita nesse papo.

Como sempre disseram os sábios: fé cega, faca amolada. Cuidado para não se cortarem.

Comentários

Seguidores

Google+ Followers

Postagens mais visitadas